sábado, 3 de abril de 2010

Escrever sobre sentimentos é um tanto quanto trabalhoso. Não pelo ato de escrever em si - ao contrário, inclusive. Trabalhoso é concretizar amores em palavras e linhas. Tortas, talvez. Isso não importa. O que eu quero dizer é que "borboletas no estômago" não sintetizam o estado em que me percebo - despercebida - no momento em que nossos lábios se encaixam.

4 comentários:

Rogerio Martins disse...

Eu acho facil falar sobre sentimento, o dificl é falar do "sentimento em si". Ou seja, é mais descrever "o que é" o amor ou a amizade, porem é dificl dizer "como é" tais sentimentos!

Paulo Tamburro disse...

REALMENTE UMA COMÈDIA ROMÂNTICA.

ISTO É MAIS BONITO QUE O CIRQUE DU SOLEIL, MAIS GOSTOSO DO QUE AQUELE CHOCOLATE DA KOPENHAGEN A NHÁ-BENTA E A GENTE FALAANDO NISSO, SE SENTE MAIS FELIZ DO QUE PINTO NO LIXO.

MUITO BOM!

O AMOR CONTINUA SENDO O ÚNICO SENTIMENTO!

UM ABRAÇÃO CARIOCA!

flor disse...

Mesmo achando que é trabalhoso falar de sentimento, você se saiu bem. ;]
Lindo.

Amélie™ disse...

Ai que delícia! Não tem sensação melhor do que essa de 'borboletas no estômago'!
Bjs.